Cabais são os 130 anos de existência do escritor Franz Kafka, completados nesta última quarta-feira. Gratos pela lucidez dos seus sonhos intranquilos, perturbaremos você – leitor – com o trecho final de O processo:


Onde estava o juiz que ele nunca vira? Onde estava o Supremo Tribunal aonde nunca chegara? Levantou as mãos e crispou os dedos. Mas um dos dois senhores acabava de agarrá-lo pela garganta; o outro enterrou-lhe a faca no coração e a revolveu duas vezes. Com os olhos mortiços, K. ainda viu os dois senhores inclinados bem perto do seu rosto, observando o desenlace, rosto contra rosto. Como um cão! – disse ele; era como se a vergonha devesse sobreviver-lhe.